Tarte de Iogurte e Frutas

Quando vi esta deliciosa tarte no blog da Sarinha tratei logo de meter mãos à massa e garanto que é mesmo uma maravilha, fresca e bem boa para esta época e o melhor é que podem variar nas frutas, eu no entanto usei só o kiwi e os morangos.

250 gramas de Açúcar (eu só coloquei 200gr)
100 gramas de Farinha
50 gramas de Margarina
3 Iogurtes de Aroma de Morango (usei gregos de morango)
2 Ovos
Morangos Cortados aos Pedaços
Kiwi aos Pedaços
Manteiga para Untar, Farinha para Polvilhar

Bata bem todos os ingredientes à excepção das frutas frescas. Pré-aqueça o forno nos 180ºC.
Unte uma tarteira com manteiga e polvilhe com farinha.
Junte as frutas frescas à massa que preparou para a tarte e envolva com a colher de pau.
Deite a massa na tarteira e leve ao forno entre 30 a 40 minutos.
No entanto, convém ir vigiando, fazendo o teste do palito.
Desenforme depois de fria e sirva fresca.

DELICIOSAMENTE FRESCA

BEIJINHOS E UMA OPTI MA QUARTA-FEIRA!!
Anúncios

30 thoughts on “Tarte de Iogurte e Frutas

  1. Olà Mariana , espero que tenhas passado uma Pàscoa feliz na companhia da tua familia.

    Esta tarte està muito bonita, também a tenho em lista de espera eheheh.

    Beijinhos grandes e boa continuação

  2. Mariana,
    Linda tarte e a combinação, melhor ainda!
    Sempre usei o kiwi e o morango em sobremesas frias, mas assim, que vai ao forno nunca provei…uma bela desculpa para experimentar.
    beijos

  3. Pronto agora é que me arrumaram! Vou perder o medo e por as mãos na massa! Ou eu não me chame Carla Maria! Mariana, já estou a imprimir a receita! Já estou com medo… Mas vou tentar!!! bjs

  4. Bom dia Mariana, a tua tarte deixou-me curiosa, deve ficar tão saborosa e fofinha…esta receita escapou-me no blog da Sarinha.
    Está linda e deu-me muita vontade de a experimentar.
    Obrigada pelas tuas palavras deixadas lá na minha cozinha;)
    Beijinhos .

  5. Olá!

    Adorei a tarte, já a tinha visto e fiquei com ela debaixo de olho! 🙂

    Tenho uma questão? tentei fazer as gomas que vi aqui no teu blog, utilizei as formas do IKEA, mas não as consegui desenformar. Acabei por ter que raspar tudo com uma faca e deitar fora, até porque fiquei muito chateada… Lololol!

    Como fizeste com as tuas?

    Bjs

  6. Que pena não te terem saído bem fiquei triste por isso pois a mim, como pudeste ver, sairam lindas e a desenformar escorregaram logo das forminhas, será que untas-te bem com óleo antes de deitares a mistura nas formas?? Só pode ter sido isso amiga, depois diz-me como fizeste …

    Beijinhos!!

  7. É provavél que tenha sido isso! mas como não sou de desistir com facilidade das coisas, vou voltar a fazer e desta vez vou untar bem as formas. Eu passei com um pincel de cozinha embebido em óleo, mas se calhar isso não é suficiente.

    Obrigada!

    Bjs

  8. Alcançar a essência dos sabores é entrar em sintonia com lembranças guardadas em arquivos que criamos para preservar nossas memórias mais tenras. O cheiro de quintal lá da infância da gente, o gosto do almoço caprichado aos domingos, as conversas com a mãe à beira do fogão, o café da manhã com pão quentinho, os sonhos partilhados, o cheiro de feijão cozinhando na panela, o aroma de erva colhida na hora, um finalzinho de tarde com encanto. Tudo isso é despertado quando conseguimos reproduzir o sabor de pequeninos gestos tecidos a luz do cotidiano de uma cozinha afetiva. Adorei o blog.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s