Duo de Mousse (Chocolate e Mascarpone)


“Se tiverem mascarpone no frigorífico… não se esqueçam de experimentar esta receita”.. Esta frase da Ana do blog Petiscos&Miminhos, ficou-me na cabeça ainda mais porque tinha de facto ali o mascarpone no dito, e à espera de ser usado a qualquer momento, antes que chegasse ao fim da validade.

Resolvi-me a estrear então a sua receita que consistia numa mousse de mascarpone , a que ainda juntei a de chocolate criando um duo fabuloso…





Mousse de Chocolate

4 ovos
100g de açúcar
150g de chocolate de culinária
125g de manteiga

Bata as claras em castelo, reserve.


Num tacho, e em banho-maria, leve ao lume a manteiga e o chocolate.
Deixe derreter e mexa de forma a conseguir um creme liso e brilhante.

Parta os ovos e separe as gemas das claras.
Junte o açúcar às gemas e bata até ficar uma gemada esbranquiçada, junte o chocolate e bata até ficar um creme homogéneo

Finalmente, envolva delicadamente as claras com o chocolate.


Mousse de Mascarpone

250 g de queijo mascarpone
4 ovos (gemas separadas das claras)
150 g de açúcar

Bater o mascarpone com o açúcar e as gemas. Noutra taça misturadora, bater as claras em castelo e envolver delicadamente no creme.


Coloque as mousses em taças, alternando as camadas.
Leve ao frigorífico por umas horas, antes de servir.

Com este duo de mousses participo no passatempo da Isabel do “Emoções ás Colheradas” e que comemora o 1º aniversário do seu blog . 
Pedia ela uma sobremesa para a comemoração e resolvi que esta, seria a escolha ideal e bem a propósito para o evento. 
Parabéns Isabel e venham muitos mais aniversários para comemorarmos!

Beijinhos doces!
Anúncios

Pudim de Ovos

Não há casa que não o faça e ocasião onde ele não esteja. O nosso célebre pudim de ovos.
Aqui fica o meu, feito um dia destes para matar o desejo do marido, uma vez que é um dos seus pudins favoritos.

750 g de leite
6 ovos

120 g de açúcar

Forma de pudim alemão da Metalurgica

Caramelo liquido para barrar a forma
700 g de água

Colocar no copo o leite, os ovos e açúcar no copo e misturar durante 10 seg./Vel.4.
Unte a forma do pudim com caramelo liquido. Deite nela o pudim, tape a forma com papel de alumínio e depois papel absorvente (para que absorva a água que se cria em cima).
No copo coloque depois as 700 g de água, a varoma com a forma de pudim e programar 40 min/Varoma/Vel.1.
Ou levar ao forno em banho-maria por 50 minutos. (foi o que fiz para usar a nova forma da metalurgica.

Para verificar se o pudim está pronto, basta espetar nele um palito a ver se sai limpo senão deixe por mais uns minutos.
Deixe o pudim arrefecer por pelo menos 1 hora antes de colocá-lo no frigorífico onde deve ficar até à hora de servir.

Mousse de Wafers de Coco

Quando vi esta receita tão simples, no blog Manzana&Canela apressei-me rapidamente a fazê-la e olhem só que delicia de sobremesa….

Na confecção da receita fiz apenas uma alteração. Como tinha uma lata de leite condensado aberta e a precisar de ser gasta substitui 100 ml de leite pela mesma quantidade de leite condensado e aqui está uma mousse bem cremosa:

400 ml. de leite
150 g bolachas wafers com recheio de coco
100 ml de leite condensado
1 pacote de cuajada

Coco ralado para polvilhar (opcional)



Coloque as bolachas no copo e triturar, velocidade progressiva 5-10 por 1-2 minutos. Reservar.
Sem lavar o copo, coloque 300 ml. de leite e programar Vel.1, 4 minutos e 90 °.
Nos restantes 100 ml de leite, desfazer a cuajada, reservar.
Acrescente os biscoitos triturados e programar 1 min./vel.5.
Adicione o leite com a cuajada dissolvida, o leite condensado e programar mais 7 min./90 º/vel.2.
Colocar em tacinhas e deixar que arrefeçam no frigorífico, até à hora de servir.



Beijinhos e uma feliz Quarta-feita!

Dia Um… Na Cozinha/Crumble de Maçã com Compota de Abóbora

Dia um de Novembro é também dia de publicação de uma receita para o “Dia Um Na Cozinha” ou seja, no dia um de cada mês, temos de publicar uma receita com um determinado tema. Para este mês o tema escolhido é um que eu adoro e com uma das minhas sobremesas favoritas os Crumbles  mas onde tínhamos de usar as frutas da época.




Crumble de Maçã com Compota de Abóbora (Em frascos)


Ingredientes para o recheio:


Compota de abóbora q.b.
3 maçãs sem caroço e em cubos
Sumo de 1 limão
2 colheres de sopa de farinha maizena
4 colheres de sopa de açúcar mascavado
1 pitada de canela (Suldouro Especiarias)
Ingredientes para a cobertura: 

½ chávena de Aveia em flocos
½ chávena de farinha
½ chávena de açúcar mascavado
6 colheres de sopa de manteiga sem sal
1 pitada de sal
½ colher de chá de cardamomo em pó
1/4 chávena de avelãs picadas grosseiramente

Pré-aqueça o forno a 180 º C.
Pulverize com spray de cozinha ou manteiga, todos os frascos, tendo em atenção também os rebordos, porque é onde a fruta normalmente vai borbulhar. Coloque os frascos no tabuleiro do forno, reserve.
Numa tigela, misture todos os ingredientes para o recheio, com excepção da compota de abóbora.

No fundo de cada frasco deite uma colher bem cheia de compota e depois por cima a fruta até que fiquem quase cheios.
Numa outra tigela, misture todos os ingredientes para o crumble até que fique com consistência arenosa.  Com a ajuda de uma colher, cubra a fruta com essa mistura, polvilhe com mais avelãs e leve ao forno a dourar por cerca por 20 minutos ou até que o recheio comece a borbulhar e o crumble esteja crocante e douradinho.

Espero que gostem da proposta, tanto como gostámos todos aqui em casa!
Beijinho e BOM FIM DE SEMANA!

Bolo de Figos em Pão de Sementes

Fui a Mirandela visitar os meus sogros e, quando vi as figueiras no quintal carregadinhas de figos, não resisti a ir colher uma cesta deles.

São doces como o mel e frescos hummmm sabem tão bem…
Este foi outro fim que dei a alguns deles e ficou maravilhoso.


1 fava de baunilha
12/13 figos frescos
2 colheres de sopa, de mel
Sumo de meio limão
1 colher de sobremesa de canela
3/4 fatias de pão de cereais ou sementes (eu usei as novas sandwuichesThins 8 Cereais da BIMBO)

Numa frigideira, deite o mel, o sumo do limão e a canela em pó. Assim que começar a ferver, junte os figos sem pele e cortados em quartos e as raspas da baunilha e vá mexendo até que os figos caramelizem ligeiramente. Reserve
Passe uma forma pequena e redonda por água e forre-a com película aderente.
Corte o pão em tiras e depois ao meio no sentido do comprimento.

Forre a forma com tiras de pão, por cima a calda de figos, novamente pão e assim sucessivamente até acabarem os ingredientes, sendo que a ultima será de pão, tenha o cuidado de calcar bem de modo a todas as camadas ficarem bem juntinhas.
Cubra com película aderente e leve ao frigorifico por umas horas antes de servir.
Mais fácil que isto não há e aqui ficam com uma sobremesa, que não precisa de forno e se faz num instantinho.

Dica: pode ainda criar uma cobertura crocante cobrindo com nozes picadas.

Beijinhos e votos de um excelente fim de semana!

Tronco Gelado de Bolacha e Natas com Crocante de Amendoins

BOM DIA!

Hoje venho para a ultima publicação no passatempo da Parmalat o “Batalha de Blogs” que aceitei com muito prazer e foi um gosto ver todas as receitas das colegas que deste passatempo fizeram também parte e ás quais aproveito para desejar a todas muita sorte pois a escolha vai ser bem difícil para a Parmalat, com tantas e boas receitas que publicaram.

Chegou a vez da minha receita preferida a SOBREMESA… e depois do Béchamel, das Natas com Ervas Aromáticas chegou a vez das Natas para Bater que utilizei aqui:

Receita inspirada nesta

 …espero que gostem da sugestão.

2 pacotes de Natas para Bater da Parmalat

Meia lata de leite condensado
Meio pacote de bolacha maria
1 embalagem de fondue de chocolate Belga (comprei da marca continente), para a cobertura 
Amendoins e açúcar q.b. para fazer o crocante
Framboesas para a  decoração (opcional)

Começar por bater bem as natas que devem estar bem frescas. No fim e quando estiverem bem fofas adicione 2 colheres de sopa de açúcar.

Colocar as bolachas de molho no leite condensado, escorrer e rechear com as natas e assim sucessivamente até todas estarem bem recheadas e cobertas (esta parte é de mais bagunça hehehe, mas vale bem a pena).
Formar uma espécie de torre direitinha (dentro do possivel)e deitar numa travessa e levar então ao congelador até que fique um tronco bem duro.
Colocar o fondant de chocolate no microondas até que amoleça, deixe arrefecer um pouco e cubra o tronco até que este fique bem coberto de todos os lados. Leve de novo ao congelador.
Entretanto faça um caramelo com o açúcar e assim que ganhar uma cor acastanhada junte os amendoins, mexa bem. Retire e deite sobre um tabuleiro com uma folha de papel vegetal e deixe que arrefeça completamente. 
Assim que solidificar (fica como o nougat de amendoim) triture grosseiramente. 
Polvilhe o tronco com o crocante antes de o servir e enfeite com framboesas. 
Agora é só deliciarem-se…

Resta-me agradecer uma vez mais à parmalat pelo convite e dizer que foi um prazer participar.

e agora….BOA SORTE A TODAS!

Semi-Frio de Maracujá

Bom dia!
Por aqui vou indo amigas, não tão feliz como queria estar e nem tão entusiasmada como devia andar, pois estou a poucos dias da apresentação do meu livro.
Mas, na verdade vivemos neste momento uns dias em baixo, de angustia e sem ânimo, outros cheia de força e garra para enfrentar mais um desafio na minha (nossa) vida.
Desde que descobrimos que o nosso Joãozinho era autista, que os dias deixaram de ser iguais e não é fácil enfrentar esse diagnóstico mas a verdade é que quanto mais cedo aceitarmos e enfrentarmos essa realidade mais fácil é levar as coisas com calma e a serenidade que é agora tão precisa para bem dele e nosso.
Espera-nos uma longa caminhada e mais uma vez preciso de ter força,  e levar avante o meu esprito positivo, não ir abaixo e agarrar-me ao que tenho de mais precioso a minha família e por ela fazer o melhor, dar tudo e amar ainda mais (se é que é possível) este filho e fazer por ele tudo o que estiver ao nosso alcance. Mas confesso que é difícil por vezes não quebrarmos, não desanimarmos pois as ajudas são poucas, a indiferença, falta de compreensão e o estigma social está nestas alturas muito presente…

 Mas deixemos as coisas menos boas e passemos para algo doce para adoçar a vida, sim que se vocês me conhecem bem, tento levar tudo com fé e garra e se já passei por outras coisas menos boas e as enfrentei e superei, esta não será diferente e o meu filhote, o meu tesouro, o meu anjo caído do céu mais que merece…
Sendo assim passo a mais uma receita que vos deixo com carinho:

1 pacote de natas

2 embalagens de gelatina de maracujá (usei da Royal)
90 g de Açúcar em Pó
1 lata de polpa de Maracujá
1 iogurte grego
1 lata pequena de leite condensado
100 g de corn flakes
5 a 6 bolachas de aveia
100 g de manteiga

Comece por fazer as gelatinas conforme a instrução das embalagens, deixe que arrefeça.

Coloque no copo da bimby o açúcar, os corn flakes e as bolachas de aveia e triture 20 seg. na Vel.4.

Junte a manteiga e programar mais 15 seg. na Vel.4. Retire, e forre o fundo da tarteira com essa massa, de modo a ficar uniforme. Reserve no frigorífico.
Coloque no copo, o iogurte, a polpa de maracujá sem as sementes (reserve alguma para a decoração mas aí deixei com as sementes), as natas e o leite condensado e bater 2 min. na Vel 3. Por fim junte a gelatina reservada e envolver uns segundos.
Deite este preparado sobre a base e leve ao frigorífico por pelo menos 4 horas antes de servir.
Decore com um pouco da polpa de maracujá reservada.

Mais uma vez relembro que o meu livrinho já está à venda em todas as livrarias, Fnac, Bertrand, wook  e grandes superfícies.
É para mim também importante dizer-vos que tudo o que com ele ganhar, reverte para as terapias, consultas e medicação do João pois são caras e neste país as ajudas são tão poucas e com a crise que vivemos e os tempos tão difíceis, toda a ajuda é necessária. 
Obrigada por isso a todas que desde já o adquiram ou queiram adquirir.
Beijinhos!